Boa noite, então eu tenho um melhor amigo no qual sempre fomos conselheiros um do outro, mas no final do ano passo, eu comecei a desconfiar através de amigos, que ele estava tendo um sentimento por mim, um dia eu fui ao BK com um amigo e na volta ele estava me esperando, nos víamos todos os dias eu e o meu melhor amigo. Aí nesse dia eu dei um colante no meu melhor amigo e uma semana dps, ele falou que estava apaixonada por mim, me pediu em namoro, eu falei que iria pensar, meus pais nn liberaram, mas permitiram. Acho que nn liberaram por medo do passado desse meu amigo que ele era muito galinha. Aí eu comecei a orar, e Deus usou uma irmã para mim, dizendo que ele lá na frente vai estar cmg e procurando por outro, que o senhor nn via noivado e casamento entre nós dois, e que eu confundi a amizade com namorado. Mas, eu nn posso passar essa visão para ele, mas, falei pra ele que tínhamos que terminar e começar do 0, orando primeiro. Ele está fazendo um propósito ficar três meses sem se beijar, para que Deus me dê para ele… mas, creio eu que se for de coração, O que ele pede, Deus pode mudar os planos… mas eu fico muito confusa, pq eu não sei se ele realmente está sendo sincero. B.

Hello, B.! Quando as coisas começam a ficar meio confusas, o melhor a fazer é se afastar um pouco da situação e deixar Deus mostrar claramente e de forma direta para você o que ele tem em mente.
Algumas questões são fundamentais:

Primeiro, quando Deus tem um relacionamento para nós, ele providencia para que nossos pais apoiem (e não apenas deem uma permissão mais ou menos). O princípio de horar os pais tem prioridade sobre qualquer namoro. Deus não revela coisas que contrariem esse princípio.

Segundo, seu amigo é um cristão comprometido, que leva Deus a sério, honra os pais dele, é trabalhador, estudioso, envolvido com a igreja, etc.? Se ele não é, pode ter certeza de que também não faz parte dos planos de Deus para você, pois a gente precisa observar todas essas qualidades antes de pensar em um namoro.

Terceiro, não devemos “fazer propósitos” para tentar conseguir algo de Deus. Devemos ter uma atitude de sujeição, obediência e humildade diante dele. Afinal, é ele quem manda em nossa vida, e não podemos tentar convencê-lo a fazer nossa vontade. Devemos pedir forças para fazer a vontade dele.

Portanto, amiga, meu conselho é que você fique bem quietinha no seu canto. Deixe esse relacionamento em “pausa” por um tempo. Não fique correndo atrás do garoto, conversando com ele todo dia, forçando a barra para seus pais aceitarem, nem buscando revelações a esse respeito. Aquiete-se na presença de Deus e confie que, se você poderia com sinceridade e disposição de obedecer, Deus vai lhe mostrar o próximo passo.

E aproveite para ler alguns de nossos posts sobre relacionamentos e outras coisinhas mais que podem ajudá-la:

http://www.faithgirlz.com.br/index.php/estou-apaixonada-e-agora/

http://depapocomasu.blog.br/relacionamentos/2018/07/afinal-o-que-e-namoro/

http://depapocomasu.blog.br/relacionamentos/2018/03/o-que-significa-honra-os-pais/

http://depapocomasu.blog.br/deus/2018/05/revelacoes-sinais-e-sonhos-tome-cuidado/

E, sempre que quiser conversar, estamos aqui!

 

Kisses,

Su

Compartilhe!:

Posts Relacionados