Eu não sei o que fazer… eu falei para a minha família que talvez seja possível que eu esteja com depressão profunda. Antes eu achava que não, por que eu sorria o dia inteiro e de noite não muito. Ai alguns meses eu sorria de dia e chorava algumas vezes de noite, agora eu não tenho nenhuma emoção de felicidade, eu me sinto triste, e as vezes sinto tanta raiva e sinto que eu já passou meu tempo aqui. Eu não vejo mais graça em viver, eu não sinto nenhuma emoção, eu tento fazer as coisas que eu gostava antes, eu tento sair mais não tenho ânimo, não tenho assunto, parece que tudo onde eu vou eu não deveria terido pois só vou deixar mais entediante. Eu sei que muitas pessoas sofrem de verdade. Eu uma vez eu comentei pra minha mãe e ela disse que você não passou o que eu passei, mais eu sempre estava lá quando meu pai bebia que queria nos bater, quando ela não conseguia trabalho ou nas brigas. Eu sofri bullying a vida inteira, mas eu sempre tentava ser forte, mais agora eu não consigo. E eu sinto vontade de chorar por qualquer coisa, mais não choro as vezes pra não parecer fraca… eu comia um monte, agora eu não sinto mais aquela vontade de comer, estou comendo de vez em quando e eu desisto de tudo. E eu nunca fui assim. Me ajuda. Eu nunca consigo mais me levantar que nem antes como eu fazia e não ficava triste. E fico as toda a hora pensando em tirar minha vida ou matar alguém pra ver se sinto emoção ou não. Me ajude, por favor o que eu faço. Estou aqui por que eu ja mostrei que preciso de ajuda e ninguém liga. Dizem que é da onde eu estaria de depressão. Me ajude por favor… T.

Querida T., não se aflija! Pelo que você descreve, é possível mesmo que você esteja deprimida. Agora, a boa notícia é que depressão tem tratamento e que, com os cuidados corretos, você pode recuperar a alegria de viver!

A primeira coisa a fazer é marcar uma consulta com um clínico geral e relatar para ele tudo isso que você falou aqui. Com sua idade, você pode marcar e ir a essa consulta sozinha. Também pode ir ao pronto socorro do hospital e explicar que você está tendo esses pensamentos de morte. Eles vão encaminhá-la para os profissionais adequados. Além disso, seria ótimo você procurar ajuda de um psicólogo. Procure em sua cidade uma faculdade que tenha curso de psicologia e pergunte se eles têm atendimento gratuito. O médico também pode encaminhá-la para atendimento psicológico.

Além disso, uma coisa tem duas coisas que você deve fazer hoje mesmo:

  1. Entrar em contato com o CVV (Centro de Valorização da Vida) no número 141 ou pelo site https://www.cvv.org.br/ Essa organização tem um pessoal muito legal, treinado para ajudá-la a lidar com esses sentimentos difíceis e especialmente com seus pensamentos de morte.
  2. Conversar com Deus. Você não é obra do acaso. Deus planejou e criou você com imenso amor. Ele quer ajudá-la a sair dessa situação e mostrar os planos que ele tem para sua vida. Fale com ele. Conte tudo o que está em seu coração. Peça forças dele para buscar a ajuda de que você precisa. Peça, também, para ele colocar pessoas aí perto de você para auxiliá-la nesse momento. E saiba que ele se importa profundamente com você. Sua vida é muito preciosa. Busque ajuda e confie que Deus vai lhe mostrar o caminho para sair dessa escuridão!

E, sempre que quiser, passe aqui para conversarmos. Eu me importo com você e estou à disposição!

 

Kisses,

Su

 

Compartilhe!:

Posts Relacionados