Olá Su! Estou fazendo terapia por conta das crises de ansiedade e quadro depressivo. Bom, eu sempre escondi do mundo que a minha relação com o toque físico não é das melhores. Lá na terapia descobri que os abusos sexuais que eu sofri quando era criança refletem em praticamente tudo o que eu faço e sou hoje. Eu estava completamente sozinha, filha mais velha colocada de canto, ninguém ao menos percebeu( não que eu saiba). Eu mal sabia o que estava acontecendo, só percebi que não gostava e fugi, quando eu fugi o meu primo que me molestava me deixou em paz. Eu achei q estava tudo bem, algumas coisas eu esqueci, outras estão claras em minha mente, achei q tinha lidado bem com isso, mas não, eu sempre escapo da dor e de lidar com isso, mas na terapia eu percebi que não posso mais. Depois de relembrar tudo isso e perceber que não posso mais fugir, toda a dor, culpa e nojo vieram à tona. Isso desencadeia até mesmo dor física e às vezes sinto que não vou conseguir. Eu tentei ficar com raiva de Deus, mas dizem que ele não dá a mínima. Eu só queria que tivessem me protegido, que Ele tivesse me protegido. E eu não entendo o motivo. Dizem q Ele me ama muito, mas se ama pq não me protegeu? Eu só quero ajuda para passar por esse processo. :( R.

Querida R., meu coração ficou apertado de ler sua mensagem. Eu entendo, por experiência pessoal, como é doloroso lidar com o que resta depois de abuso sexual. De fato, o sofrimento chega a ser físico, e a gente se enche de culpa (que não nos pertence), de nojo, de tristeza e de dúvida. Afinal, se Deus existe e se ele é bom, por que ele não fez nada? Eu fiz essa mesma pergunta algumas vezes. Veja o que escrevi sobre esse assunto no meu blog:

Por que Deus permitiu?


E saiba que você tem companhia aqui para passar por esse processo. Estamos à disposição. Volte para conversarmos mais sempre que quiser, ok?
Kisses,

Su

Compartilhe!:

Posts Relacionados